Pergunta

1) De acordo com a responsabilidade pelo fato do produto ou do serviço na Lei n. 8.078/1990 (Código de Proteção e Defesa do Consumidor), equipara(m)-se aos consumidores: Alternativas:

Respostas

1) De acordo com a responsabilidade pelo fato do produto ou do serviço na Lei n. 8.078/1990 (Código de Proteção e Defesa do Consumidor), equipara(m)-se aos consumidores: Alternativas:

a) Todas as vítimas do evento.
b) Fornecedor de serviços.
c) Comerciante.
d) Fabricante.
e) Prestador de serviços.
2) De acordo com a responsabilidade civil por fato do produto e o Direito do Consumidor, podemos afirmar que tal responsabilidade se verifica: Alternativas: a) Na constatação de que o produto comprado apresenta um defeito que interfere diretamente em seu funcionamento.
b) Cabe ao consumidor indenizar o fornecedor por eventuais danos que vier a causar quanto ao não pagamento ou até mesmo quanto ao atraso no exercício das obrigações contratuais pactuadas.
c) Cabe ao fornecedor indenizar o consumidor por eventuais danos que vier a causar quanto ao não pagamento ou até mesmo quanto ao atraso no exercício das obrigações contratuais pactuadas.
d) Na não entrega do produto comprado ao destinatário final.
e) No dano causado ao consumidor pelo produto comprado em decorrência do defeito.
3) Analisando o artigo 12 do Código de Defesa do Consumidor, podemos concluir que o nexo de imputação à responsabilidade pelo fato do produto é: Alternativas:
a) Risco proveito.
b) Risco criado.
c) Risco geral
d) Risco mitigado.
e) Risco integral
4) Das alternativas seguintes, indique aquela na qual há atividades que são parcialmente excluídas do instituto da falência. Alternativas:
a) Instituições Financeiras, Sociedades de Previdência Privada e Entidades Fechadas de Previdência Complementar.
b) Instituições Financeiras, Sociedade Empresarial e Sociedades de Previdência Privada.
c) Sociedades de Previdência Privada, Entidades Fechadas de Previdência Complementar e Sociedades Empresariais.
d) Instituições Financeiras, Companhias de Seguro e Operadoras de planos médicos.
5) Ao falarmos da desconsideração da pessoa jurídica, podemos afirmar que ela, de acordo com nossa legislação: Alternativas:
a) Atinge de forma direta a responsabilidade do sócio por obrigação original da empresa, em caso de fraude ou abuso, caracterizando desvio de finalidade ou confusão patrimonial.
b) Só ocorre com a insolvência do ente coletivo, sem outras considerações.
c) Abrange apenas as relações de consumo.
d) Não ocorre no direito brasileiro, dada a separação patrimonial entre pessoas físicas e jurídicas.
e) Prescinde de fraude para sua caracterização, sendo necessário apenas a impossibilidade de a pessoa jurídica adimplir as obrigações assumidas.

Respostas

1.

1) As seguintes pessoas podem ser chamadas de um único consumidor. a) Todas as vítimas do acidente.

2) Pode-se dizer que essa responsabilidade foi enfatizada. e) Os produtos adquiridos como defeituosos não devem causar qualquer prejuízo ao consumidor. Isso porque a responsabilidade civil caracteriza o dano causado por uma pessoa a outra.

3) A importância da transferência de responsabilidade pelo produto real pode ser reconhecida como segue. d) reduzir o risco.

De acordo com o artigo 12 da Lei de Defesa do Consumidor, pode-se inferir que adicionar uma real transferência de responsabilidade por um produto é uma forma eficaz de mitigar o risco.

4) Pode-se dizer que é uma atividade de venda e fechamento. e) Operador de esquema de seguros para instituições financeiras.

5) Podemos afirmar que as pessoas jurídicas são preteridas em nossa legislação: a) A fraude afeta diretamente a responsabilidade dos sócios comanditados pelas obrigações originárias da Companhia.

Deste ponto de vista, é importante para a arte. Isso foi traduzido na Lei nº 1 da Lei de Defesa do Consumidor. 8.078/1990 Art. 2º, define-se consumidor como a pessoa que adquire um produto ou serviço para determinada finalidade e art. Terceiro lugar, par. Concluímos da regra 2 semelhante ao seguinte.

Os serviços de natureza bancária, financeira, creditícia e de seguros também são considerados serviços. Portanto, essas regras se aplicam aos serviços acima. ,

Consulte Mais informação:

………………………………………………………………………………………………………………………………………………….

2.

Dia 1: Carta A para todas as vítimas do acidente.

Segundo e, porque a responsabilidade civil é o dano causado por uma pessoa a outra.

Terceiro: Ao analisar o artigo 12 da Lei de Defesa do Consumidor, pode-se determinar que o risco envolvido é atribuível ao fato de que a letra D supera o risco.

Nº 4: Letra E, instituições financeiras, seguradoras e operadoras de planos de saúde.

Art. 5º: A alínea (a) afeta diretamente a responsabilidade dos sócios pelas obrigações substantivas da sociedade em caso de fraude ou abuso caracterizado por dolo arbitrário ou transmissão de delírio genético.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários
0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x